sexta-feira, 17 de dezembro de 2004

Gin - Labello

É NATAL!!!



Gin! Labello!
Gin! Labello!
Gin Laró Labello!
...

GINGLA BÉLES!!!!

Serei eu o último a ter esírito natalício?
Serei eu o último a acreditar na amizade?
Seremos incapazes de traçar a fronteira entre VIDA e trabalho?
Será que vivemos para trabalhar ou trabalhamos para viver?

Dasse! Há quem confunda as duas coisas!!!!

VIVAMOS!!!!

sexta-feira, 3 de dezembro de 2004

Parece incrível...

Parece incrível um dos posts anteriores escrito pelo meu camarada Comandante! "Porque é k esperamos 4 meses por um cenário irreversível?" Irreversível??? Irreversível?? Mas por acaso a continuidade de um governo democraticamente eleito é assim um acto totalmente tresloucado e desmedido?? Tresloucada foi a remodelação do governo isso sim!
Eu fui um dos defensores da não-convocação de eleições antecipadas no mês de Julho aquando da saída do Durão. Mas na altura e como podem comprovar no post que escrevi datado de 07/09/04 havia mais do k uma razão para isso. Como tb havia para convocar eleições. A única diferença é k agora não existe qq razão que sustenha este governo. Suspiramos por estabilidade (k nunca há-de chegar com estas medidas), a confiança do eleitorado neste governo é praticamente nula, a interferência do governo na liberdade de expressão é por demais evidente, temos um primeiro ministro que vem para a TV responder a críticas internas do partido como se de um D. Quixote se tratasse e por mais k não desejasse mais encargos para o Orçamento de Estado há que fazer algo para mudar isto. E a única coisa a fazer é convocar eleições!
Como é k uma economia do país vai melhorar se não há qq tipo de confiança neste governo (ainda menos do k no anterior!!)?? No meu ver não existe outra medida a tomar. Mas quem sou eu?? Se calhar eu é k estou mal! Será k existem mais alguns em sentido contrário???
Outro aspecto do post anterior foi culpabilizar de tudo o partido CDS-PP. Até parece que o k correu mal neste governo deve-se única e exclusivamente ao PP!! Já vi k na tua óptica deveria estar lá o Santana com uma maioria absoluta! Já agora com o Alberto João como Ministro-Adjunto! As asneiras foram cometidas por UM governo! São de todos! Se por um lado o 'Mamão´' Félix fartou-se de dizer asneiras e de utilizar discursos salazaristas, o nosso primeiro e respectivos ministros tb não ficaram atrás. Lembram-se por exemplo do Rui 'Labrego' da Silva?? Do próprio 'Boémio' Lopes quando respondeu às críticas internas? Até o grande amigo Henrique Chaves o acusou de deslealdade (o outro mama mais que eu, não é justo :( ).
Este governo é muito pior que o anterior. Disso não há qq dúvida. E olhem que piorar o mau é difícil!!

quarta-feira, 1 de dezembro de 2004

Não ponham uma pedra sobre o assunto

Droga, Sida.... não esqueçamos que nem tudo é um mar de rosas.

Para quem ainda não ouviu falar, o Instituto da Droga e da Toxicodependência está a proceder à Avaliação da Estratégia Nacional de Luta Contra a Droga, relativa ao período de 1999-2004.
em:http://www.drogas.pt

Na minha opinião, no que diz respeito a acções de sensibilização e formação sobre o tema da toxicodependência, uma das linhas a seguir é a de reeducar os pais para que possam educar convenientemente os filhos no sentido de evitarem as drogas.

Existem crianças e jovens com personalidades fracas e fortes, mas o que existe cada vez mais é uma falta de capacidade para a educação dos filhos, que cresce tipo bola de neve, de geração para geração. Há cada vez menos tempo para a educação e os filhos já estão a ser 'plantados', ou seja, mal nascem, são colocados nos infantários e apenas vamos lá ao fim do dia colhe-los e pouco mais fazemos ( é assim a nossa sociedade ). Passado algum tempo, chegamos a casa e vemos um homem ou uma mulher estranha, que na verdade é o nosso(a), filho(a). E a partir do momento em que nos apercebemos da sua existência, apercebemo-nos também dos problemas que começam a aparecer, através de comportamentos que estranhamos. Não temos qualquer tipo de autoridade porque quase perdemos a legitimidade como pais. O que fazer?
A vida é um problema dificilmente equacionável devido à sua praticamente infinidade de variáveis, mas existem aspectos que, devido à experiência das gerações anteriores, se devem ter em conta. Porquê insistir nos mesmos erros geração após geração? Afinal se somos humanos e aprendemos com os erros, porquê errar sistematicamente?
Talvez porque tenhamos perdido a capacidade de perceber que erramos ou seja a nossa auto-censura.
Reeduquemo-nos e eduquemos mais e melhor os nossos filhos que são afinal de contas o nosso Futuro.
Creio não existir uma grande solução eficaz para o combate à toxicodependência, mas se pegarmos neste grande problema e dividirmos em vários pequenos problemas, conseguiremos arranjar um conjunto de pequenas soluções que juntas farão a grande solução.

Alguns "pequenos problemas"
1-A educação (família + escola)
2-A família (relações pais, filhos)

Algumas "pequenas soluções"
1- Formações pós-laborais para os pais nas próprias escolas sobre a toxicodependência. Estas formações devem perfazer uma espécie de curso, a ser dado a todos os pais bem no princípio da actividade escolar dos seus filhos - Sobre como educar os filhos no sentido de não se deixarem seduzir pelas drogas, arranjando estratégias para canalizar as suas seduções para prazeres saudáveis ou para a procura de soluções saudáveis para os seus problemas.

2- Através da TV e outros meios de comunicação, porque não fazer o seguinte: Nos intervalos dos programas de maior audiência, apresentarem-se spots (que não esqueçamos facilmente tal como aquela publicidade da Telecel à uns anos, com o Alentejano que atende o telemóvel). Poder-se-ia dizer por exemplo: “Olá, já deu atenção ao seu filho hoje” ou “Hoje o seu filho não está com boa cara, tente saber porquê”.Uma boa avaliação de comportamentos pode levar a uma detecção precoce de um problema de toxicodependência.

terça-feira, 30 de novembro de 2004

Ora bem, parecia que estava a advinhar...

Pedia-vos para relerem os "post" de Julho. Neles refiro alguns factos que neste momento iriam ou acabaram por acontecer.
Começemos pelo 1º: a nomeação do Dr Miguel de Sousa como ministro.Pois claro,Sampaio, aceitou tal constatação, pois seria algo "muito mau" para o país.

Um pouco mais a sério, porque é que esperamos 4 meses, para um cenário irreversível? Porquê tanta demora.Tínhamos realizado eleições em Julho, para legitimar qualquer governo que fosse. Se na altura já era mau a realização de eleições, então agora é pior, pois existe um orçamento de estado que -felizmente- não vai ter nenhuma execução.

Portugal, perdeu 4 meses, mai nada!

Agora, esperemos que nem o PS volte para o Governo e muito menos o PP, alías sugiro que se exporte para muito longe de Portugal, "fulano(a)s" como Bagão, Portas, Arnaut e companhia ilimitada.

Reforço o que se disse nessa altura: Cavaco, volta está perdoado!

Tenho dito!

LAMAruak


PS-Já cá faltava qq "coisa" para animar este blog!!!!!!!!!

quinta-feira, 25 de novembro de 2004

1ª terra

Alô tropas,

Vamos todos em força para Santana! Ela será nossa - o 1º território do RAMRAM.

Aquele abraço,

Cristiano

quinta-feira, 18 de novembro de 2004

Voltamos aos tempos de Salazar...

...e da PIDE. Em que nada podia ser dito contra o governo. Em que as represálias para quem o fizesse eram duras quanto baste. Mas, e como diria o personagem 'Artista Bastos' do Herman José, 30 anos e 7 meses (sensivelmente) depois do 25 de Abril, recomeçam as perseguições a todo e qq indíviduo que se manifeste na imprensa contrário às intenções governamentais. E para o provar, em seguida à saída de Marcelo Rebelo de Sousa da TVI eis que surge a demissão em bloco da direcção de informação da RTP. Tudo porque a admnistração da mesma, nomeada pelo governo obviamente, decidiu intrometer-se em assuntos que são da exclusiva responsabilidade da D.Informação. Mas sobre isto escreverei noutra altura. Voltemos a MRS. Se bem se lembram, uma das 'diarreias' proferidas pelo ministro Gomes da Silva sobre o espaço de opinião de domingo à noite na TVI era de que a Alta Autoridade para a Comunicação Social deveria intervir no sentido de restabelecer a muiltipartidariedade do mesmo. Agora, e depois de ouvidos todos os intervenientes, a AACS escreveu o seu relatório. E concluiu que efectivamente o Governo exerceu pressões ilegítimas sobre a comunicação social. E como não correu de feição ao Governo a conclusão do relatório, agora vêm a público dizer que a AACS não tem qq autoridade e que perdeu credibilidade. Mais, acusa a mesma de ser uma entidade político-partidária desiquilibrada! Pois bem, desiquilibrados são os senhores membros do governo começando no labrego Gomes da Silva para acabar no boémio Santana Lopes!
O que se conclui de tudo isto é que rumamos mais uma vez para a ditadura. E é bom que se faça algo agora enquanto é tempo. Senão qq dia somos interrogados e espancados sempre que nos manifestemos contra uma acção governamental.
Aos membros do governo e no que diz respeito a este assunto deixo uma frase (mas no plural) proferida pelo jogador Rochemback ao seu treinador: Vão apanhar no c*!!
E tenho dito!

terça-feira, 16 de novembro de 2004

Mais uma iniciativa...

Esta sexta-feira, vamos acabar com o "caruncho" da Madeira !!!!!!!!! (Vão todos em "enxurrada" desde do vale à montanha e do mar à serra!!!!)

sexta-feira, 12 de novembro de 2004

Ponta do Sol!!!!

Quem é que vai para lá ?

Bagão Félix foi internado!!!!!!!!!

O ministro internado no hospital de Santo António, no Porto, com uma crise de hipertensão, confirmou o porta-voz do hospital.A administração do hospital vai comunicar, ainda de manhã, o estado de saúde do ministro das Finanças, que aparentemente não necessita de cuidados especiais. in público de 12-11-04

Srº Ministro:
Têm seguro de saúde?Têm a sua declaração de IRS (tx moderadoras)? Não têm, olha não há médicos nem enfermeiros para o tratar. Se quiser recorra aos privados.

Mai nada!!!!!!!!

quinta-feira, 11 de novembro de 2004

Um pouco de sabedoria electrotécnica

"A vida é como os interruptores: uns dias para cima, outros dias para baixo."

É triste ser "pequene" do abono na RAM

"Corta, corta, corta, corta, corta, corta....e não deixa fazer nada, é claro que fico chateado".

- Frase do Líder da JSD, aquando da mudança de Instituto da Juventude, para DR Juventude (por deliberação superior do Presidente do Governo e do PSD-Madeira).

quarta-feira, 10 de novembro de 2004

Ganda PSL

Ora vejam o que vai apresentar o PM ilegítimo no cogresso em Barcelos:


«Fala, fala, fala, fala, fala... e não diz nada» 05-11-2004 in Portugal Diário


Santana escreve moção com quase 13 mil palavras, com poucas propostas concretas. Durão há seis meses atacava, em menos palavras, a oposição e propunha reformas, agora esquecidas pelo líder «laranja»

A moção que Santana Lopes vai apresentar ao Congresso do PSD evita o tema "sensível" da génese do actual Governo e da sua legitimidade e quase não refere a oposição em 55 páginas de prosa. Há seis meses, Durão Barroso apresentou uma moção em Oliveira de Azeméis, com menos três mil palavras, mas com críticas concretas à Esquerda e uma lista extensa de reformas. Meio ano depois, o novo líder do PSD escreve mais, mas diz menos. Evita reformas polémicas e prefere ficar por princípios gerais.


(...)

Há páginas de eloquente "palha", em que o líder social-democrata debita ideias sem concretizar nenhuma delas. Por exemplo: a negligência quanto aos problemas das pessoas portadores de deficiências «é um panorama que nos deve embaraçar», salienta a moção. Mas Santana, nas duas páginas sobre o tema, não avança com uma única medida concreta para ultrapassar essas "barreiras".


Palavras para que? Se as 13.000 palavras se traduzissem em euros, a malta ainda ficava satisfeita, mas assim não, Sr Drº Pedro Santana Lopes !!!!!!!!!!

segunda-feira, 8 de novembro de 2004

Já chega, está na Hora!!!!!!

Já não suporto aquela confusão em São Vicente. Está na hora de actuarmos, temos de ter nesta terra do norte, um Homem de Confiança. Por isso proponho a Presidente de Câmara, o nosso ex-candidato, camarada, e amigo , o Ponta.
Quem é que apoia?

sexta-feira, 29 de outubro de 2004

Vai ser o fim...

Caros "escribas",

Como vós sabeis, nos próximo dias, serei indigitado como o Comandante da zona militar da Madeira, com a tutela do SIS regional. Já tenho o plano de acção delienado para os próximos 4 anos.
1ª Acção: Rebentar com a "vergonha" da zona velha e do Funchal, ou seja, ACABAR, de vez com a associação local do sítio. Para isso, já falei com as entidades, e lá será, a residência oficial de alguns guerreiros da LAMA, nomeadamente do nosso camarada Bosques, para ele fazer o que quiser.
2ª Acção: Buscas às casas dos "donos" dessa mesma associação. Toda a gente será presa e condenada por os seguintes crimes: Atentado à inteligência do povo superior, desvio de confiança e serão classificados como os "perfeitos aldrabões".
3ª Acção: Encerrar o campo Engº Rui Alves, mudando de nome para o Campo de Futebol do CDN;
4ª Acção: Exportar "Já Sinto" Serrão para a Guiné, como representante da nossa força armada. Como não temos nada nessa terra, o nosso cidadão será preso e julgado pelas entidades competentes por traição aos paises pertencentes aos CPLP;
5ª Acção: Queimar todo o material que tenha verde e vermelho (somente ligado ao futebol) a nível regional;
6ª Acção: Mandar para a sua terra alguns continentais e estrangeiros indesejáveis: Violante Saramago Matos (grande responsável pela desgraça do Bloco), jogadores vadios de futebol ("os brazucas" indisciplinados do CDN), "Vaca" Torres e outros que vou já iniciar os mandatos de busca.

Mais acções irei fazer, mas por enquanto estão no segredo da "gaveta",

Aquele abraço,

Lamaruak


Ainda o caso Casa Pia...


...por incrível que pareça. Para falar do sr.deputado indiciado incialmente: O Dr. Paulo Pedroso, vulgo Paulo 'Merdoso'. As novidades relativas a este caso é que o Dr. 'Merdoso' foi despronunciado das acusações do Minitério Público por abuso sexual a menores. E agora pede uma indemnização ao Estado de 650 mil euros por danos morais.
E quem é a responsável pela sua despronunciação?? A juíza Ana Paula Teixeira. Sim, aquela que foi aliviando/anulando todas as medidas de coacção impostas pelo juíz Rui Teixeira à quase totalidade dos suspeitos. Claro que não incluiu o 'Bibi' nesta benesse. Só para os Sr's. da 'nata da sociedade' é que as medidas de coacção eram excessivas. Esta, e desculpem o termo, cabra já despronunciou o Dr. 'Merdoso' e não tenho dúvidas nenhumas que vai continuar a ilibar todos os suspeitos, à excepção do Bibi. E ou muito me engano ou as crianças, agora jovens adultos, que foram vítimas de tudo isto vão acabar presos por falsos testemunhos. E o juíz Rui Teixeira sofrerá uma medida de coacção de prisão preventiva enquanto se investigam suspeitas de corrupção a que possa ter estado sujeito.
Viva a nossa justiça. Viva o nosso país!!
P.S. - A nossa justiça está podre. Os tribunais tresandam. E não há ninguém que impeça esta fossa de continuar a crescer. Mas é só a minha opinião...

quinta-feira, 28 de outubro de 2004

Ser Selvagem

Com toda a selvajaria que pulula no quotidiano político regional, encontrei o sítio ideal para distribuir pelouros aos sedentos eleitos cá da urbe. Um sítio com um défice assombroso de desenvolvimento/progresso.



Parece que já estou a ver o João Carlos Abreu a tutelar o Pico do Veado, o Savino Correia a fazer um PDM para a Ponta dos Garajaus, o líder AJJ a governar as(os) Selvagens a partir do Pico dos Tornozelos (um regresso às origens, depois da Rua do Quebra Costas lhe ter desgraçado os pés), uma Sociedade de Desenvolvimento em cada ponta para aumentar os endividamentos. Os Drumond's, os Farinhas e os restantes cabeças das 5 famílias a lutar pelo poder sobre os Ilhéus do Norte.

Como contrapoder, não poderia deixar de existir, o Jacinto Serrão no Pico do Inferno e os comunistas/verdes na Enseada das Cagarras.

No vertice de desenvolvimento das(dos) Selvagens criar-se-ia um consório AFA, José Avelino Pinto, Tecnovia e Somague na (mais que óbvia) Enseada das Pedreiras.

Para o resto aceitam-se sugestões...

quarta-feira, 27 de outubro de 2004

E confirma-se...


Ainda o caso do Prof. Marcelo Rebelo de Sousa.
Este post é para que se constate (que confirmado já está) como o nosso querido governo na pessoa do ministro dos assuntos parlamentares Rui Gomes da Silva pressiona e influencia a nossa comunicação social (neste caso a TVI) na pessoa do Sr. Paes do Amaral, para que salvaguarde a 'boa' imagem governamental.
E como já falei do governo o suficiente e não quero voltar a chafurdar na lama (para não dizer na merda), vou agora falar do Sr. Paes do Amaral.
O Sr. Paes do Amaral, como todos sabem, é presidente do grupo Media Capital, detentor da TVI. Este indivíduo, que não é mais do que um capacho ao serviço do governo, convidou o Prof. Marcelo a, e passo a citar, 'repensar a orientação das suas intervenções'. E justificou-se com a desculpa que as licenças de televisão são atribuídas pelo Estado. Pois bem, meu caro Sr. Paes, todas as outras licenças de comunicação social acabam no fundo por ser atribuídas pelo Estado. E ninguém se borra todo sempre que alguém como o energúmeno do Sr. Rui Gomes da Silva decide abrir a boca para dizer uma porrada de asneiras. Compreendo e aceito que para se estar à frente de um grupo como a Media Capital é preciso ter algum jogo de cintura. Mas muito mais que isso, o que é preciso é ter tomates para não recuar perante as pressões e trazer a limpo as notícias e/ou opiniões conforme são apresentadas. Um espaço de opinião destes (de âmbito geral) não se pode restringir a opinar só sobre isto ou aquilo.
Sinto um crescendo de vergonha ao olhar para este país. Do autêntico chiqueiro em que se está a tornar, com os porcos chafurdando e brigando para se impôrem. Em todos os aspectos (incluindo a justiça) estamos cada vez mais dentro do contexto do clássico em B.D.'O triunfo dos porcos',: Somos todos iguais, mas uns são mais iguais que outros.

terça-feira, 26 de outubro de 2004

Dança das cadeiras

Faça a correspondência correcta entre os políticos e os seus futuros cargos:

  1. Conceição Estudante
  2. Manuel António
  3. Alberto João Jardim
  4. João Carlos Abreu
  5. Filomeno Paulo
  6. Bruno Pereira
  7. Pereira de Gouveia
  8. Rocha da Silva
  9. Brazão de Castro
  10. Ventura Garcês
  11. Santos Costa
  12. Savino Correia
  13. Francisco Fernandes
  14. Cunha e Silva

  1. Recursos Humanos
  2. Ambiente e Recursos Naturais
  3. Plano e Finanças
  4. Assuntos Sociais
  5. Educação
  6. Turismo e Cultura
  7. Presidência do Governo
  8. Reforma Antecipada
  9. Vice-Presidência
  10. Equipamento Social e Transportes


O prémio para quem acertar é uma Direcção Regional à escolha do vencedor.

Boa Sorte!

terça-feira, 19 de outubro de 2004

Eleições Regionais II

E digo II se tiver a devida permissão do camarada que escreveu o I, o grande comandante.
Domingo como todos sabeis (como se diz lá para os lados nortenhos do rectângulo) foi dia de eleições regionais. Eleições estas que foram parcialmente ofuscadas por um jogo de futebol que teve de tudo um pouco, mas que para agora pouco interessa. As ilações a retirar deste sufrágio são as seguintes:
1º - O povo voltou a eleger uma nova maioria absoluta do AJJ (e não do PSD-regional) para gerir o nosso futuro por mais 4 anos. Não que se esperasse outra coisa. A minha esperança no 'povo superior' morreu há muito. Mas pensei que ao menos conseguissem ultrapassar a série de inaugurações efectuadas por um certo 'montador de elefantes' e votassem com a plena consciência daquilo que estavam a fazer.
2º - O nosso PS-regional está em grande. Conseguiu melhorar fortemente os resultados de 2000. Não que o seu líder seja melhor que o anterior. Lembrou-me um pavão com as penas abertas quando o vi sair do Mercedes preto num dos comícios que presidiu. Quando abre a boca normalmente sai uma porrada de baboseiradas, que só mesmos os PS's ferrenhos conseguem ouvir sem adormecerem. Mas melhorou. E contra factos não há argumentos.
3º - Do CDS-PP nem faço comentários. O povo reduziu-o há insignificância que os caracteriza desde há muito tempo a esta parte.
4º - Quanto à esquerda regional (BE e CDU) não saíram de onde estavam. Embora a CDU tivesse subido na votação, o BE (antiga UDP) perdeu. E perdeu muito por esta mudança. A UDP por incrivel que pareça, é apoiada por uma faixa etária algo avançada (não se entende o porquê de ser só esta) e de áreas geográficas características. Ora esta mudança de nomenclatura passou ao lado de muita gente. E lá foi a UDP por água abaixo.
E...agora surgiu-me um assunto a tratar sem demora. Vou deixar o que me resta a dizer para outra altura.
Até lá um bem hajam a todos.

quarta-feira, 13 de outubro de 2004

Eleições Regionais I

Pois é, daqui a uns dias vamos ter eleições regionais.Temos dois candidatos a Presidente do Governo,o actual e um que diz que está preparado....
Acima de tudo, gostava de reforçar, que todos nós, independentemente de que partido formos (ou não), temos que ir votar.Votar é um direito e um dever para cada cidadão.
Quem não votar, não deve depois criticar ou elogiar todo o trabalho exercido pelas entidades governamentais.
No entanto e antes porém (com diz o nosso amigo Acácio Pestana),não concordo com o nº de deputados na ALR.Acho-os demasiado para uma região com 245 mil habitantes.
Também não concordo, que actuais presidentes de câmara e juntas de freguesia sejam candidatos (neste caso tanto o PSD como o PS), uma vez que são eleições diferentes.Se foram eleitos para cargos, devem cumprir o seu mandato até ao fim.



Inté,

CS

PS- Para breve Eleições Regionais II



quarta-feira, 6 de outubro de 2004

A democracia laranja


Este post vem na sequência da demissão de Marcelo Rebelo de Sousa como comentador político da TVI. Uma façanha!! Pensei que não pudéssemos chegar tão baixo, que ainda conseguissemos 'disfarçar' a nossa tão proclamada democracia, mas esta foi a gota de água! Independentemente das razões que a TVI possa apresentar para esta demissão, acho que está perfeitamente claro o porquê da mesma. Agora por se dizer a verdade está-se sujeito a demissão do cargo que se ocupa. Claro que isto por cá pela Região já são favas contadas há muito tempo, mas não sabia que no rectângulo tb já se chegava a este ponto.
Toda a gente sabe que a tolerância de ponto é prejudicial à economia portuguesa!!
A hipocrisia é que é demais!!! A cara de pau dos dirigentes laranjas!! Por um lado anda o Sr. Rui Gomes da Silva (Ministro dos Assuntos Parlamentares) a 'ladrar' bem alto que se tratou de um discurso de ódio. Que são tudo mentiras e falsidades que se repetem todos os domingos. E pasme-se: está preocupado por não estarem outras forças políticas presentes nestes comentários. Aqui um à parte para o ministro: Já basta este para voçês se enterrarem.
Por outro lado e após a demissão vem o Secretário Geral do PSD Miguel Relvas lamentar a saída do seu colega de partido. Mas defendendo o Governo na razão do pluralismo político.
Ou seja uma no cravo, outra na ferradura!! À boa imagem laranja!! Continuem o bom trabalho. Agora já só falta o novo Salazar!

quinta-feira, 30 de setembro de 2004

Ainda falando do Post anterior....

Excerto de uma artigo publicado hoje (30/9) no Público.

No comment:

Assessor de Santana ganha mais do que Presidente da República

Cristina Ferreira, Helena PereiraPÚBLICO
João Paulo Velez, assessor para a área da comunicação do primeiro-ministro, foi requisitado a uma agência de comunicação que trabalha para uma série de instituições privadas e públicas com interesses em sectores estratégicos da economia e para onde estão projectadas privatizações.Velez ganha quase o dobro de Pedro Santana Lopes e mais do que o Presidente da República. Segundo a Rádio Renascença, o seu vencimento ronda os dez mil euros. O ordenado base do primeiro-ministro situa-se nos 5173 euros, enquanto o do Presidente é de 6897 euros. O salário de Velez é alto comparativamente com os dos titulares de cargos públicos porque este optou por continuar a receber de acordo com o lugar de origem, ou seja, a João Líbano Monteiro (JLM) e Associados. Esta sociedade presta assessoria de imagem e de comunicação a gestores empresas privados e públicos.





quarta-feira, 29 de setembro de 2004

Saúde - o mal de uma nação

Foi com algum espanto que ainda ontem ouvi num noticiario televisivo que o nosso querido 'Mamão' Félix em conjunto com o não menos estúpido Luis Filipe Pereira (para os leigos na matéria, o novo ministro da saúde) decidiram reduzir os salários dos médicos nos hospitais públicos em cerca de 30% e aumentar a carga horária de trabalho em 3 horas. Ora por muito bem que esta medida soe a alguns, a mim não me convence e passo a explicar:
- Quando for atendido numa instituição pública quero que me seja prestado o melhor serviço possível. Para isso, os funcionários (médicos e enfermeiros) têm de ser bem pagos (com bem pagos não quero dizer extraordinariamente bem pagos).
- Já não basta os médicos não quererem exercer na saúde pública, que agora ainda se lhes baixa o ordenado e aumenta-se-lhes a carga horária de trabalho.
- A solução não passa por reduzir os salários, a solução passa por supervisionar efectivamente o horário de trabalho de cada um destes profissionais de saúde. Para que não aconteça, por exemplo, numa noite entrar um doente na urgência e ter que se ligar para a casa do médico, para que este compareça ao serviço (o que já é habitual nos hospitais públicos). O médico ESTÁ de serviço, portanto tem de estar no hospital. E mai nada!
Agora não me venha o senhor 'Mamão' com a necessidade de cortes nas despesas na área da saúde, através dos salários. O que estes senhores deveriam 'cortar' era por exemplo o salário/reforma do Sr. Mira Amaral de 3600 contos/mês por ter sido presidente da comissão executiva da CGD por um ano e nove meses. Ou as indemnizações milionárias que terão de ser pagas aos administradores, para possibilitar a entrada de outros da confiança do futuro presidente da CGD. Ou o salário de 5500 contos/mês que iria auferir o tal director geral dos impostos. Ou a reforma por inteiro de um senhor deputado após 8 anos na Assembleia da República. Ou o famoso subsídio de reintegração na sociedade que os senhores deputados recebem quando saiem da Assembleia (coitaditos ganharam tão pouco lá que têm que receber um subsídio de cerca de 3500/4000 contos para voltarem à vida activa).
Isto sim são despesas desnecessárias!! Não é o salário de um médico ou enfermeiro que aumenta o caos em que se encontram as finanças deste país.
E tenho dito!!

segunda-feira, 27 de setembro de 2004

Tolerância de Ponto

Na próxima 2º feira das duas uma, ou estou de tolerância de ponto ou com intolerância ao trabalho...

quinta-feira, 23 de setembro de 2004

O meu dia visto por um auditor de marketing e publicidade

...dormir...
08:00-08:15 Nokia, Philips
08:15-08:30 Gillette, Dove, Organics, Colgate
08:30-08:45 Panrico, Limiano, Danone
08:45-09:00 Mistubishi, Antena 1
09:00-10:30 Compaq, Intel, Microsoft, Nokia
10:30-11:00 Renault, Nicola, Luso, Diário de Notícias
11:00-12:30 HP, Inacópia, Compaq, Intel, Nokia
12:30-14:00 Caramulo,Sopa d'Avó, Panisal, Delta
14:00-15:30 Compaq, Intel, Microsoft, Nokia, HP, Philips
15:30-15:45 Nicola, Luso
15:45-16:00 Scottex, Jornal da Madeira
16:00-17:30 Compaq, Intel, Microsoft, Nokia, HP, Philips
17:30-18:00 Mitsubishi, Antena 3
18:00-19:00 Panrico, Limiano, Danone, Panasonic
19:00-21:00 Nike, Adidas, Lipton
21:00-22:00 Heinz, Divella, João Pires
22:00-24:00 Philips, Visão
...dormir...

quarta-feira, 22 de setembro de 2004

Funerais

Queria, antes de mais, deixar aqui o meu voto de pesar pelas mortes do pai do Cunha e Silva e da mãe do Miguel de Sousa, vice-presidentes do Governo Regional (GR) e da Assembleia Legislativa Regional (ALR) respectivamente.

Uma chamada de atenção aos pais dos vice-presidentes desta terra. CUIDADO!

Este assunto fez levantar algumas questões:

- Porque é que nas página de Necrologia (vulgo, malta do manel), quando uma pessoa morre, todos aqueles que a conhecem fazem questão de participar o seu falecimento? Isto é uma demontração de afecto e amizade? As qualidades do falecido medem-se pela quantidade de participações nos jornais? Serão tentativas de colagem aos familiares vivos do defunto? Quando são empresas a participar, poderá existir uma única participação por empresa, ou deverá existir uma por cada departamento da empresa? As participações das missas de 7º ou 30º dia são exclusivas para familiares, ou também podem ser participadas por terceiros (nunca vi tal ocorrer)?

- Porque é que os funerais são todos marcados para a hora do almoço? Não seria bem mais conveniente serem no meio da manhã (uma vez que é normal pedir a dispensa do trabalho)? Atrapalhariam muito menos o trânsito e as pessoas teriam o resto do dia para recuperar emocionalmente.

A todos aqueles que já não vão a tempo de ler este post:
Descansem em Paz

À Mão

Finalmente alguém do Ministério da Educação tomou alguma atitude:

"As colocações de professores serão feitas à mão, porque o sistema informático apresenta falhas!"



Tenho duas coisas a apontar a todo este imbróglio:

1.É muito conveniente existir um sistema informático por perto para descarregar as responsabilidades políticas. Não eram necessários binóculos para perceber que este navio dirigia-se ao iceberg já desde o início do ano civil.
Abre-se aqui um precedente de acusação a um sistema informático, pelo que, nos próximos tempos, não me admiraria nada se a DGCI se escondesse atrás do seu programa informático para explicar os atrasos nos reembolsos do IRS, que o Bagão insinuasse que a derrapagem do deficit deve-se ao Windows XP e que os aumentos em 2005 não podem ser mais do que 2,2% porque o Excel não aceita a fórmula proposta pelos sindicatos. E ainda não começaram as desculpas utilizando Virus, Trojans, Worms e Spyware...

2.À mão? À MÃO?!?!
Vão colocar os professores à mão e terão as colocações prontas até 30 de Setembro. Corrigam-me se tiver errado, mas parece-me que vão fazer à mão e em menos de 2 semanas o que um programa informático não conseguiu fazer desde Julho.
Se era assim tão fácil porque é que se perde tempo e dinheiro com programas informáticos?

Costuma-se dizer que o material tem sempre razão... Será que a empregada de limpeza desligou a ficha do servidor do Ministério da Educação e só repararam agora?

sábado, 18 de setembro de 2004

Esmagando abóboras

Oito anos depois de o ter comprado, e depois de quase derreter de tanto rodar, tirei-o da estante e coloquei no leitor.
Reapaixonei-me.



P.S.: Não sei onde pára o CD1 (dawn to dusk). Se o gajo que me assaltou o carro há três anos ainda não o trocou por droga é favor entrar em contacto comigo para uma eventual devolução...

quinta-feira, 16 de setembro de 2004

O que eu reti da entrevista da Judite ao Bagão

"Eu não lhe chamaria aumentos, serão acréscimos..."
Bagão Félix a referir-se aos aumentos da função pública em 2005.

"A minha mulher é funcionária pública..."
Bagão a se justificar que não quer prejudicar os funcionários públicos.

"O salário médio na função pública é de 1800€."
Porra! O Bagão diz que é a média?!

"A Judite de Sousa até tem umas mamas boas para uma quarentona..."
Eu a pensar alto no meio da sala deixando os presentes atónitos.

"Este gajo lembra-me o furacão IVAN, destrói tudo por onde passa..."
Penso eu do Félix ao mudar o canal para ver o "Perfeito Anormal" na SIC Radical.

terça-feira, 14 de setembro de 2004

Marítimo - Rangers


Já os tenho! São meus e não os vendo! 

domingo, 12 de setembro de 2004

Cenas da Vida Real II

No solário do complexo balnear da Ponta Delgada estavam dois casais nos seus 40 e muitos a apanhar sol nas espreguiçadeiras. Os intervenientes desta cena era o marido de um casal e a mulher do outro casal, compadres por sinal.
Ele, tipicamente português, com a sua pança, bigode farfalhudo, chapéuzinho a esconder a calvice, mais pelo do que um orangotango e com um vozeirão daqueles...
Ela alva como a neve, tímida e quiçá submissa.
No meio de uma conversa sobre o preço da carne de vaca, ele, com um ar brejeiro sai-se com esta tirada para a comadre que apanhava sol de costas:

Homem: Comadre, a comadre não tem daquelas cuecas que mostram o cu?

Mulher: Não.

Homem: Mas olhe que devia ter porque tem um cu que é um mimo.

Cenas da Vida Real I

No Complexo Balnear da Ponta Delgada, uma senhora sentada na mesa da esplanada interpela o empregado (um jovem ucraniano)para fazer o seu pedido.

Senhora: Olhe, se faz favor. Eu queria um café e um frize limão.

O empregado toma nota e dirige-se ao bar. Depois de algum tempo ele regressa.

Empregado: Não temos café limão mas podemos por uma rodela de limão na chávena...

terça-feira, 7 de setembro de 2004

Toxico(in)dependência israelita

Finalmente apercebi-me porque é que os israelitas não concedem a independência ao estado palestiniano...
Deve-se ao facto de se encontrarem todos viciados na Faixa de Ganza! E o vício é tão grande que eles (os israelitas) vão às tantas horas da noite a casa dos seus "dealers" na Faixa de Ganza ressacados c'ma cachorros e, como já não enxergam nada à frente, espatifam os seus tanques contra as casas dos referidos traficantes.



Para fazer face a este problema, os palestinianos vêem-se forçados a atirar o material (a pedra) aos tanques israelitas com o intuito de acalmar-lhes a ressaca com um bom charro (batente para os amigos)!

Não há nada como a confraternização Rasta entre os povos!

quinta-feira, 2 de setembro de 2004

O primeiro post do resto da minha vida

Depois de umas merecidas (??) férias voltei ao trabalho. Ainda estou com o espírito de férias o que, quando aplicado ao trabalho, assemelha-me a um funcionário público na revéspera de natal (para quem não sabe, a revéspera é o dia antes da véspera), ou em qualquer outro dia do ano civil.
Regresseu de férias mas nem por isso sinto-me retemperado nas minhas forças..."a vida do mar é dura"..."mas a da terra não lhe fica atrás!"

Novidades?
Só uma! Estou a tentar comer o máximo bacalhau que conseguir antes da extinção... Da do bacalhau ou da minha, a que vier primeiro!

Ah! Mais uma! Este é o primeiro post escrito na minha nova casa! O que faz com que este seja, indubitavelmente, "o primeiro post do resto da minha vida".

sexta-feira, 13 de agosto de 2004

Adeus...

Pois é meus caros, Matanruak já teve o seu tempo, vai-se embora. Durou 5 anos, chegou para as encomendas, mas como tudo na vida, há um ínicio e um fim e Matanruak chegou ao fim.

Ele trouxe novas lutas e guerras, algumas ganhou, outras perdeu, mas acima de tudo, lutou sempre pelos seus ideias!

Tal como na "trópa", Comandante fora, Comandante posto. Assim sendo, aguarda-se daqui a poucos dias o seu substituto.

Até breve,

Comandante Taur Matanruak



segunda-feira, 2 de agosto de 2004

Jobs for the boys

Lista de cargos para os membros e apoiantes do RAMRAM (já está tudo negociado com o Jaime Ramos):

Bosques: Presidência da EEM, com direito a um lugar na administração da SIRAM para um familiar seu;

Chucha: Secretário regional dos Assuntos Parlamentares, c/ direito a um lugar na administração dos HF, também para um familiar seu;

Djanga (depois da recusa das Obras Públicas e do Saneamento Básico): Director Regional da Igualdade e Minorias.
Lugar: depois da recusa, não têm direito. ;

Comandante: Presidência do IDRAM, sendo que acumula com a Vice-presidência do CD Nacional. Job: acessor na SEP para um primo afastado;

Oitentas: Director Regional dos Transportes e Protecção Civil.Pode escolher um "job" para os seus familiares na Porto Santo Line;

EmpreDário: Secretário da Cultura, têm direito a um lugar à escolha na Fundação Berardo para amigas íntimas;

Brumzuela: Director regional das Comunidades Madeirenses. Job: ainda a definir.....

Ponta: Director regional do Comércio e Indústria. Job: ainda por negociar, mas em princípio um lugar de conselheiro para um familiar nas seguintes empresas: ILMA,ECM ou na INSULAR.

Mas ainda faltam alguns...me aguarde!

Um abraço


quarta-feira, 28 de julho de 2004

A Lista pelo Funchal...

Tal como prometido aqui vai a minha sugestão:

Cabeça-de-lista:

Bosques: líder incontestável das bases partidárias do centro funchal (Sé). Tal como outros, também pertence  ao movimento LAMA e à UTSCMC,Sad. Reúne apoios quer à esquerda (tasca do bexiga) como à direita (a tasca da rua direita), sendo os mesmos preciosos para a implementação de um plano de reordenamento socio-economico-cultural deste concelho.

Comandante:

Membro da LAMA, UTSCMC, Sad e da PASMA, fica responsável pela angariação de votos nas zonas turísticas do concelho, usufrui alguma "experiência governativa" - feira do gado, da banana, da anona etc...    

Madeirak:

Elemento de confiança do aparelho para as zonas altas do Funchal, tem a seu favor, o conhecimento "in loco" do terreno (ex:restaurantes).

terça-feira, 27 de julho de 2004

Concelho de Stª Cruz...

Mais uma:

Cabeça-de-lista:

Oitentas, homem de confiança politica-desportiva do partido. Cabe a ele, chamar os camacheiros e camacheiras para a nossa causa. Relembro que Oitentas é um dos principais líderes da LAMA. e por isso muito necessário a este partido

2º Chucha: ex-socialista, desencantado com a liderança de "Já Sinto", já faz parte desta causa. Além do seu carácter "revolucionário de guerrilha" (em tempos foi um dos guardiões socialistas de Gaula),têm como principais apoiantes: o movimento feminino de Gaula e arredores, o pessoal da rochinha e as tunas femininas.

Cenas dos próximas capítulos:
a Lista do Funchal e os possíveis cargos num governo de coligação com o PSD-Madeira/Partido da Autonomia...

segunda-feira, 26 de julho de 2004

Lista do Norte da Ilha...

Mais uma proposta à Comissão Política:

Cabeça de lista pelo Porto Moniz:
 - Djanga na Manga, um dos fundadores do partido, que nunca se esqueceu das suas origens. Conhecedor das bases do partido e das suas acções (arraias) nesse local, têm a seu favor apoiantes de todas as fracções economica-politico-despotiva do concelho.

Cabeça de Lista por São Vicente:

Ponta, também ele, um dos fundadores deste partido e já com largos antecedentes em movimentos (ex: UTSCEMC, SAD).Espera-se o que se esperou deste candidato: ser o primeiro a chegar e o último a sair-  da "Fiesta" é claro!

 

Lista Fora da região (a minha proposta)

 
Lista Cubana:

Cabeça-de-Lista:
D.Dinis, D de Dário ou Empredário (whatever): homem do partido, com uma grande apetência para o contacto com novas bases, vulgo tascas, restaurantes, bares, disco e mais locais de divertimento nocturno.

2ºlugar: Nuno, representante das minorias, mas muito importantes para captar novos votos.

Lista Comunidades Madeirenses:

Cabeça-de-lista e único candidato:

David, "Bumzuela": bom reforço, atendendo ao facto de andar actualmente em "altos vôos".

sexta-feira, 23 de julho de 2004

Nós também vamos...

Estas próximas eleições, vão ter uma supresa muito agradável. A táctica vai ser dada em próximo convivio. Não estaremos presentes em todos os concelhos, mas nos concelhos que iremos candidatar, concerteza, iremos colocar os nossos representantes (até temos  nos círculos eleitorais fora da Região - ELD).
O Secretariado, mais conhecido como a "Velha Guarda" está em marcha. Não temos dinheiro, mas temos força, pão e vinho.
Em frente camaradas, vamos ultimar os lugares nas  listas.

Comandante

quinta-feira, 22 de julho de 2004

Está quase...

a época dos grandes jogos! A equipa está coesa e promete dar luta aos adversários e concorrentes (festeiros, gentes locais,políticos e donos de terreno para campismo)...

Aquele abraço,

Matanruak

 

quarta-feira, 21 de julho de 2004

Feliz 1º Aniversário

Já passaram 5 dias, mas não queria deixar de passar em claro o 1º aniversário do RAMRAM.
 
O primeiro post foi este e desde então já percorremos um longo caminho por entre discussões acérrimas, inconfidências, desabafos, alegrias e tristezas. Espero que daqui a um ano se festeje o 2º aniversário e que não se deixe morrer a irreverência, a ironia, a sátira e o inconformismo presente nos "posts" e nos "comments".

Finalmente, queria agradecer a todos os 4252 visitantes que diariamente tem sido a alma deste blog, que embora todas as divergências há sempre algo que nos une:
O amor por esta terra a que chamam de Arquipélago da Madeira!

segunda-feira, 19 de julho de 2004

O "nosso" governo


...E escrevo nosso entre aspas, para dizer exactamente aquilo que parece: nosso do país, mas não meu. Sinceramente apesar de não gostar de ver como primeiro-ministro o Dr. Santana Lopes, sempre esperei que se rodeasse de gente com mais provas dadas. Mas vamos ao que eu penso de alguns dos seus ministros:
Ministro da Defesa - Paulo 'Tortas' (Paulinho para os amigos) - Uma 'quase' imposição, já que é o líder de um dos partidos da coligação. Nada se espera deste senhor que não seja a continuição da mediocridade a que já nos acostumou.
Ministro das Finanças - António 'Mamão' Félix - A décima ou vegésima ou trigésima (ainda estou a contabilizar as personalidades convidadas e que recusaram) escolha para a Pasta. Segundo consta, o Sr. 'Mamão' empossado há 'meia dúzia' de dias já diz que tem que aumentar ou criar novos impostos. Faz lembrar aquela famosa medida de Manuela 'Chupa-mo' Leite aquando da chegada ao governo quando, sem qq análise e estudos efectuados, decidiu aumentar o IVA em 2%. Conclusão: Nesse ano e no seguinte foi arrecadando cada vez menos dinheiro através do Imposto de Valor Acrescentado. Além disso, a efusão de contentamento patenteada pelos 'patrões' portugueses com esta nomeação, não agoira nada de bom para os trabalhadores deste país.
Ministro das Actividades Económicas - Álvaro 'Barrete' - A nomeação para esta pasta e para ministro de Estado só prova que falta alguém no próprio partido que queira assumir as pastas económicas. Este senhor que apoiou sem pestanejar todo e qq governo desde Ramalho Eanes a Cavaco Silva e que como diz Vasco Pulido Valente na sua crónica no DN: "...iria para ministro do Inferno, se o Diabo o convidasse para servir a Pátria e os seus senhores...' (e como eu concordo!!) só desprestigia um governo já de si desprestigiante.
Ministro do Ambiente - Luís 'Pobre' Guedes (Luísinho para os amigos) - Um ministro que não 'pesca' absolutamente nada da pasta que lhe calhou. Esperemos que ao menos se rodeie de secretários de Estado que efectivamente saibam do que estão tratar. Mais um membro para o Governo 'arrastado' por Paulo Portas. Acho que esta última frase diz tudo.
Ministro das Cidades, Administração Local, Habitação e Desenvolvimento Regional - Não comento. Acho a criação do próprio ministério, a 'tachice' do ano.
Para já e como este post já se alongou o suficiente, fico por aqui. Mas prometo continuar a opinar sobre os ministros que não figuram neste post. Um até já para todos.

sexta-feira, 16 de julho de 2004

LAMA

Cá estamos, para mais uma época de futebol.
Faço daqui um apelo, a todos os madeirenses que levantem , a bandeira da LAMA, pois a liberdade desportiva é cada vez mais uma realidade.Abram os olhos, pois alguns de vós estiveram com eles "bem fechados".
Viva a liberdade, Viva à Madeira Livre

Comandante Taur Matanruak,

LAMA- Luta Anti-Maritimo

terça-feira, 13 de julho de 2004

Ouvi dizer...

...que Santana provavelmente irá convidar para o seu novo governo, três madeirenses conhecidos da nossa praça. Assim sendo, Miguel de Sousa, Miguel Albuquerque e Jaime Filipe Ramos, estão numa próvavel lista de governantes nacionais.~

Acho que sim, concordo plenamente com esta possível decisão de Santana, das mais inteligentes, diga-se de passagem.

Este facto, não é propriamente um motivo de orgulho para o povo madeirense, mas é concerteza uma grande felicidade para a região,por nos livrar destes três ... (deixo ao voso critério, os possiveis adjectivos, para estes membros do PSD-Madeira/Partido da Autonomia).

Aquele abraço

sexta-feira, 9 de julho de 2004

A cegueira das eleições antecipadas

Escrevo este post para rebater o anteriomente escrito pelo meu amigo e camarada de armas Matanruak.
Acho incrivel o post que escreveste comandante. Vindo de ti até parece mentira. Mas vamos por pontos:
1º - António Guterres - Foi dito que o nosso ex-ex-primeiro é um covarde!! Mas este COVARDE quando foi convidado para Presidente da Comissão Europeia não abandonou o eleitorado que o elegeu. Permaneceu, apesar do país já estar de pantanas!! Não se escondeu no seu sonho político e num cargo de prestígio para o país como o Sr. 'Cherne'.
Aliás quando caiu o governo da altura, as circunstâncias eram de tal forma graves que só com novas eleições se restabelecia a confiança de todo um país.
2º - Eleições antecipadas: Mas alguém no seu perfeito juízo e tendo em conta as circunstâncias em que o país se encontra (principalmente a nível económico) acha realmente que eleições antecipadas é uma opção viável???? Alguém acha por bem que se páre novamente o país durante dois ou três meses para se realizarem novas eleições?? Embora não concorde com a forma como se desenrolou toda esta 'estória', não é caso para tanto. O país está governável, não aconteceu nenhuma catástrofe de maior, a confiança do povo não foi abalada (embora tb não esteja lá nos pícaros) e há que garantir (mesmo que não se transpire) estabilidade. Agora cairmos em eleições antecipadas acarretando todos os encargos inerentes para cima de um orçamento de Estado, já por si precário, é que não.
3º - PSL - Vou transmitir a ideia que faço deste senhor: um gajo muito porreiro para a malta ir tomar uns copos, ir para a disco, ouvir um discursozito idealista, etc. Agora para governar este nosso país é que não, sobretudo com as alternativas que existem dentro do próprio PSD. Até parece que já estou a ouvir o discurso de tomada de posse: 'Agora sim, vamos nos erguer e lutar pelo bem maior deste país...e tal'. Como diz o outro: 'Ah e tal não, ah e tal não!!'
4º - Vindo de um 'antigo' esquerdista esta acérrima defesa do slogan Cavaco ao Poder não cai muito bem...(não desvirtuando todo o trabalho realizado por este ex-chefe de estado)

quarta-feira, 7 de julho de 2004

Golpe de Estado ou de Estádio?

Durão, vai-se embora, vai ser o próximo Presidente da Comissão Europeia.Obviamente que é um melhor cargo do que Primeiro-Ministro deste "nosso" rectângulo. Pelo menos, abandona o seu cargo para outro e para seu e nosso prestígio.Ao contrário do "Tony" Guterres(para os amigos da Tasca do bexiga), que aproveitou para largar a responsabilidade que os portugueses, madeirenses e açorianos lhe depositaram, para andar a passear.

Sinceramente, não condeno a acção do Durão (na minha opinião pessoal, até nos faz um favor em ir-se para a UE), mas acho que devemos realizar eleições. Por uma simples razão: na práctica as pessoas votam em caras,pessoas e não mt vezes nos partidos.

Ora se o Zé Manel ganhou as eleições e se ele vai-se embora, o povo têm que opinar e escolher quem é que quer governar.

Já tive em melhor consideração o PSL.Não por ser um playboy (pq com a vida pessoal de cada um, ninguem tem nada a ver)mas porque e mais vez, não continuou os projectos a que se prontificou a elaborar (SCP, SE Cultura, CMLx, projectos editorias etc...)Penso que daria melhor como Presidente da República do que PM. Mas neste momento ele é o Presidente do PSD (desculpem mas o PPD está morto, desde os tempos do Cavaquistão) e nessa lógica deve ser o candidato a PM. Mas o povo deve dar legitimidade e por isso concordo com as eleições.

O povo português têm que ter cuidado e não dar de novo o poder aos "fulanos" do largo do Rato, pq esses desde do tempo do Mário "Soârez", só nos levaram à bancarrota.

Um abraço,

PS- Cavaco, volta está perdoado!

terça-feira, 6 de julho de 2004

A última piada

O D. Dinis foi a enterrar. Já não volta hoje. Nem amanhã. Nem depois. Nem...

terça-feira, 29 de junho de 2004

Bandeiras

É bonito, sim senhor! Gosto de ver!

Enche-me de orgulho ver a nossa Ilha cheia de bandeiras da República Portuguesa. Demonstra que nós, madeirenses, orgulhamo-nos da nação a que pertencemos e que enterramos o passado colonialista que ainda enevoa os olhos a algumas figuras da política regional.



Quem andou a pregar (de discursar e não de martelar) que não haveria de existir uma bandeira nacional sem que a seu lado se erigisse a bandeira da RAM deve de estar trancado no seu bunker para não testemunhar tamanha "insubordinação" do povo superior, por se "render" ao patriotismo.

Excepção seja feita à RTP Madeira que, num momento de unidade nacional, teima em marcar pela diferença colocando a bandeira da região ao lado da bandeira nacional.Faz lembrar aquele menino que esperneia por atenção nos aniversários dos outros. Há que deixar soprar as velas quem faz anos!

Quando a esmola é muita...

...Quem se fode é o mexilhão!

Já dizia o ditado.
Algo de muito mau deve estar para acontecer em Portugal. Tudo nos tem corrido bem nas últimos meses.

- Porto Campeão Europeu;
- Portugal despachou a Espanha e Inglaterra;
- Durão presidente da Comissão Europeia;
- Santana para Primeiro Ministro (sou assumidamente da ala Santanista do PPD/PSD);
- Manuela Ferreira Leite vai sair do governo;
- A gasolina começa a baixar;
- Bom tempo;
- Férias;

Não gosto de ser negativista mas não consigo deixar de pensar no engodo que precede a pescaria! Provavelmente este pensamento provém da minha portugalidade e de estarmos todos habituados a sofrer.

A queda pode ser fatal!

P.S.: Eu sei que o ditado é "Quando a esmola é muita... tanto bate até que fura!" por isso escusam de me corrigir.

Nasdrovia, pá!!

Só para dar conhecimento das movimentações da SAD em Lisboa e para fazer inveja, claro - eu sei, eu não presto - ontem o local escolhido para jantar, foi mais uma vez o nosso querido restaurante russo, "A Tapadinha". Continua bom. Sem mais comentários.

Os anos 70 para a Pitchforkmedia

Recentemente o site Pitchforkmedia elaborou uma lista dos discos preferidos lançados durante os anos 70. É bom saber que o meu artista preferido está em primeiro lugar. Aqui seguem os 10 primeiros. Todos indispensáveis a qualquer colecção. Faltam-me três. Aceitam-se ofertas.



001: David Bowie - Low
002: The Clash - London Calling
003: Television - Marquee Moon
004: Sly & The Family Stone - There's a Riot Goin' On
005: Bob Dylan - Blood on the Tracks
006: Kraftwerk - Trans-Europe Express
007: Led Zeppelin - IV
008: Gang of Four - Entertainment!
009: Joy Division - Unknown Pleasures
010: Brian Eno - Another Green World

Para ver a lista completa, é só clicar, aqui.

domingo, 27 de junho de 2004

Agora é que é a última...

Até não acho má ideia a saída do Durão. Tendo em vista o cargo que é. Agora, o Santana Lopes, para primeiro-ministro, é pá, isso já não sei... Mas as nossas inteligências que discutem isso. Eu, agora sim, vou dormir.

Mas antes de ir dormir...

...só uma palavrinha sobre a situação política do país. Que merda...ops, foram duas. Desculpem.

Porque nem todos os títulos têm de ser título a alguma coisa!

Mas este é. A isto.

Quinto post embriagado...

Engraçado. Estive a reler o que escrevi e consegui não me enganar na ordem dos títulos. Fantástico.

Quarto post embriagado...

É um disco de Frank Sinatra que toca enquanto escrevo isto. Chama-se "The September of my years". Não tem os sucessos que são conhecidos. E ainda bem. Esta voz enche-me a alma a esta hora. E Deus sabe como esta precisa ser preenchida. Mas o melhor é dormir. Já é dia. Preciso de dormir pelo menos umas quatro horas. É mais que suficiente. E depois quero aproveitar o dia. E tentar mais uma vez ser feliz.

Terceiro post embriagado...

Iam-me arrancando o pé, esta noite - não se preocupe, mãe. Um carro quase o esmagou. Mas tenho uma pata rija. E se não fosse assim, de que outra maneira poderia eu homenagear a Pata Esquerda que faz hoje anos...



Esta é para ti, Pata Esquerda. Muitos parabéns...pelo aniversário, claro. Não pela minha pata.

Segundo post embriagado...

À saída do LUX, enquanto tentava fazer a bandeira num sinal de trânsito. Sem sucesso, como seria de esperar, no estado em que estava. Estava a dizer, à saída do LUX, enquanto tentava fazer a bandeira, que para quem não sabe o que é, eu não tenho paciência para explicar, conheci dois australianos. E melhor, não eram maricas!! Eram simpáticos. Não falámos sobre nada de especial. Sobre Portugal e a estadia deles cá. Mas não é sobre isso que quero falar. O que quero dizer, é que uma das coisas que mais gosto na noite é conhecer pessoas. A possibilidade de encontrar pessoas que nos dizem qualquer coisa diferente e interessante. Não é fácil. Já perdi a conta das pessoas com quem meti conversa. E poucas são as que, ainda, continuo a falar. Não interessa. É esta uma das razões pela qual adoro sair à noite. E nunca vou abdicar disso. Pensem o que pensarem.

Primeiro post embriagado...

Acho que quando bebo escrevo melhor. Por isso vou aproveitar, já que provavelmente só volto a beber aquando do próximo jogo de Portugal. Não, não pensem que é para festejar. É mais para anestesiar. Depois do jogo é que é para festejar. Mas isso são outras contas e não interessa para hoje. Adiante. Cheguei há pouco a casa. Acabei de chegar do LUX. Acho que era o DJ Kitten que estava a pôr música. Pelo menos parecia-me ele. Já não é a primeira vez que o apanho. Mas é sempre bom apanhá-lo a pôr música. E ainda bem que ele lá estava. Hoje precisava de música que me dissesse qualquer coisa. E de dançar sem me importar com nada. Pelo menos para isso resultou. Obrigado, DJ Kitten. Devo-te uma.

sábado, 26 de junho de 2004

Sonic Youth, Sonic Nurse



Novo albúm dos nova iorquinos. E apesar de não ser conhecedor de toda a obra deles. Conheço os momentos que são, de opinião geral, considerados os mais relevantes. Com este conhecimento, que é pouco reconheço, posso considerar este novo disco um dos melhores que já alguma vez ouvi. É um grande disco de quitarras. Mais, é o melhor disco de quitarras que já ouvi este ano. Foda-se, como soube bem dizer isto. Vou repetir e bem alto, tal como este disco convém ser ouvido. É O MELHOR DISCO DE GUITARRAS DESTE ANO. Umas a produzir das mais belas melodias que já ouvi no rock, outras simplesmente a gerar ruído. Umas vezes agressivas, outras vezes doces. E depois tudo na dose certa, sem exageros, nem grandes devaneios. Grandes canções, desde "Pattern Recognition" até "Peace Attack", passando por uma deliciosa canção pop - no sentido Sonic Youth - "Unmade bed". A escuta deste disco devia ser obrigatória. Digo eu.
Particularmente interessante, é o facto deste disco invocar em mim saudades de os ver ao vivo. Um dos melhores concertos - de guitarras, claro - a que já assisti. A foto ilustra bem o que se vive num concerto de Sonic Youth. Simplesmente, sónico.

Festejar foi preciso!

E foi Marquês. E foi Bairro Alto. E não foi mais porque tinha de trabalhar hoje de manhã. Ainda assim, foi até às tantas. E o meu estomâgo a esta hora, ainda ressente-se. Outra coisa a salientar, o bom desportivismo dos adeptos ingleses que conheci a noite passada. Aceitaram as brincadeiras, as provocações e ainda beberam connosco. Nice people. But, Jon Winn...you lose (private joke)...

sexta-feira, 25 de junho de 2004

Sofrer é preciso!

Não tenho muito mais para dizer do que já foi dito sobre a vitória de Portugal sobre a Inglaterra, mas quero dizer. E quero dizer que foi lindo. LINNNNNNNNNNNDOOOOOOOOOOOOO. Ansiei, desesperei, rejubilei, saltei e muitos mais "eis" que agora não consigo me lembrar. Nunca sofri tanto por um jogo. Nem nunca vou esquecer este jogo. Ainda hoje ao ler as reportagens nos jornais, era dificil não me comover. Tive que fazer um esforço enorme para as lágrimas não saltarem - não fica muito bem chorar no local de trabalho. E estar a rever as imagens do jogo não ajuda nada. Ahh, grandes rapazes... Sem mais comentários. Estou outra vez comovido. Vou me assoar...

Até os comemos...


Ontem foi mais um dia memorável para Portugal. Apesar do sofrimento (e parece que nisso não há quem nos bata) seguimos em frente para uma meia final que espero, seja menos penosa que este último jogo.
Mandamos para casa a selecção dos 'bifes'. Não´, não foi a selecção de bifes do Pingo Doce. Foi a selecção nacional inglesa.
Até os comemos...de preferência bem grelhados!!
Força Portugal!

quinta-feira, 24 de junho de 2004

GANHÁMOS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Mandamos os "bifes" para casa!

Viva Portugal!

Desejos

Hoje acordei com o desejo de comer bifes ao jantar empurrados por um belo tintol português.

quarta-feira, 23 de junho de 2004

A propósito de sábado...

No passado sábado, reuniu-se mais uma vez, o núcleo duro deste blog. Obviamente, que muitas conversas, opiniões e sugestões surgiram naquele debate quase único no primeiro posto de observação da democracia avançada - P.O.D.A. (sigla alias proposta pelo anfritião desse mesmo posto!)

Muita coisa discutiou-se,mas gostaria de realçar um ponto desta conversa a qual lembrei-me durante o jogo de domingo, entre Portugal e a Espanha - a capacidade técnico-táctica, profissonal do "Professore" Rui Mâncio.

Esta criatura (a maior vergonha do desporto e da sociedade madeirense),quando treinador, afundou o União, o Nacional, a selecção sub-20 (torneio de Toulon) e o Torrense (alías o único clube que esta "aberração" treinou fora da Região).
Foi possivel constatar que este fulano de futebol, percebe tanto como eu percebo de arquitectura - ZERO, NICLES, NADA, PEVA, PATAVINA etc...

Durante o ultimo jogo de Portugal (ainda por cima os supra-sumo da RTP-Madeira, contratam-no como comentador em todos os jogos do europeu)disse este seguinte comentário:

Portugal 0 Espanha 0 (aos 40 mts)
Jornalista da RTPM- Prof era óptimo que Portugal marca-se agora um golo antes do intervalo, não acha?

"Professore": Melhor ainda,era alías manter estes níveis de concentração.

Contra factos, não há argumentos.Faço das minhas palavras, aquelas que foram proferidas pelos adeptos alvi-negros em Novembro de 94: MÂNCIO, VAI PRA CASA/MÂNCIO VAI PRA CASA!

Abraços Potugueses


terça-feira, 22 de junho de 2004

Entrevista do CRonaldo ao Tribuna da Madeira

TM – Tem conhecimento de algum prémio especial por parte da Federação Portuguesa de Futebol para o caso de Portugal se sagrar campeão europeu?

CR – Não, não tenho. Prémio melhor do que ser campeão europeu é difícil. A alegria, o orgulho que teremos se de facto esse nosso objectivo vier a concretizar-se, vale mais do que um qualquer prémio.


É desta forma que todos os jogadores da selecção deviam pensar e agir. Neste de país de rendimento pobre, é uma vergonha, os jogadores da seleção terem prémios de jogo. Se não quiserem jogar na selecção, não faz mal.Outros jogadores quererão e concerteza iram dar o free "litro".

Tenho dito!

segunda-feira, 21 de junho de 2004

I'm singing for England...

Es veron, es veron, pa-pa-para-para-pa-pa...

Chegou o Verão. E há que comemorar. Toca a vestir as camisas às flores e sair para a rua...

domingo, 20 de junho de 2004

Adios Espãna...

Eles podem mandar na nossa economia - vestuário, publicidade, águas, banca - mas aqui ainda mandamos nós. Há muito ambicionado o nosso territorio pelos estes nuestros hermanos (desculpem mas com irmãos destes prefiro ser filho único)provamos que aqui ainda mandamos nós, e que muito pequenos sejamos, que muito façamos sem estratégia e planeamento, aqui mandamos nós.Ficámos gregos, mas soubemos falar russo e embrulhamos o espanhol. Ganhamos pronto!
Mas deixo um aviso à navegação: ficou hoje provado que temos de jogar sempre desta forma porque senão seremos sempre uma presa facíl para qualquer equipa saqueadora.
A esta selecção nacional (finalmente uma equipa verdadeiramente nacional - MADEIRA, Açores e Continente)deixo o seguinte apelo: Sejam Homens, mereçam o apoio deste povo pobre mas com uma grande fé em vós.

Tenho dito!

Porque nem todos os títulos têm de ser título a alguma coisa!

Desculpem lá, mas nem todos se podem orgulhar de ter uma mãe que adora o último albúm de Morrissey. Eu posso. E assim, a família já conta com um exemplar do disco em cada casa. Não convém estar muito longe desse disco. Não me canso de dizer isto.

Anagramas

Uma daquelas coisas inúteis mas que conseguem prender a atenção - principalmente em dias de ressaca. Fazer anagramas do nome. Mas melhor é descobrir um programazito que faz isto por nós. É pena ser em inglês, apenas. Deixo-vos com alguns anagramas do meu nome. Alguns até soam bem...

I or disdain.
I. Is android.
I, in a sordid.
Is odd air in.
Is arid do in.
I do in raids.
So did in air.
So rid in aid.
In or I did as.
I. Is odd rain.
I air odd sin.
In sordid Ia.
I do arid sin.
Iron as I did.
I rid on aids.
I rid on said.
I air in odds.
I rain so did.
I and I rid so.
I odd raisin.
I do I drains.
Do in as I rid.
Is. Do in raid.
Do aid in Sir.
I. Is arid don.
A sin or I did.
I do raid sin.
Rid in is a do.
Is. I do drain.
I or I adds in.
I sordid, I an.
Is. I do nadir.
Air ions did.
Aid ions rid.
I aids in rod.
I said in rod.
I. Is iron dad.
I aid in rods.
Aids rid ion.
Rid said ion.
I an odd iris.
I. I, androids.
In odd, I a Sir.
Is iron, I add.
...
e muitos mais havia.

Portugal - Espanha

Isto é mais do que um simples jogo. Não é brincadeira nenhuma. É uma autêntica guerra, de onde, só um, pode sair vencedor. Logo à tarde, vai doer...

Tretas...II

Cheguei há pouco a casa. Estou na Madeira. Já não vinha cá há dois meses. Muito tempo, para quem costuma vir cá de mês a mês. Não tem sido fácil. Mas também não tem sido difícil. Não sei se percebem o que quero dizer. Não importa. Cheguei há pouco a casa, mas não entrei logo. Estive a descansar no miradouro do Lombo da Quinta. É onde eu vivo. É onde eu mais gosto de estar. Não tem muita luz. Quando o céu está limpo, é possível ter um céu estrelado sobre a nossa cabeça. Daqueles céus em que é possível enumerar a maior parte das constelações, apesar de eu não conhecer praticamente nenhuma. É hoje o caso. Tinha saudades. São coisas destas que me fazem dar graças a Deus não ter uma arma.

P.S.: Não tentem interpretar isto à letra. Nego tudo.

Tretas...I

Por mais do que uma vez, chego aqui e não sei o que hei-de escrever. Deixem-me dizer que durante esta semana estive para deixar de escrever aqui. Até já tinha pensado no post de despedida. Disse isto a uma certa pessoa. Ela brigou comigo. Disse isto ao resto do pessoal que escreve aqui. E percebi que isto era nosso. Foram importantes ambas as opiniões. Não vou deixar de escrever aqui.

quinta-feira, 17 de junho de 2004

EURO 2004 II

Queria apenas salientar alguns pormenores sobre o Euro 2004:
1º - Alguém me pode dizer se a mão do Trezeguet tem menos dedos que a mão do Abel Xavier?
2º - Porque é que os espanhóis estão em polvorosa com a vitória de Portugal e já começaram em movimentações concertadas para denegrir a honestidade da nossa selecção? Será medo da humilhação de serem eliminados pelo vizinho pobre?
3º - Sou capaz de apostar que quando Portugal for eliminado o Scolari vai para o Brasil dizer que é impossível treinar a selecção nacional refugiando-se nos velhos clichés dos "interesses instalados", "pressão enorme sobre a equipa", "alvo de xenofobia" e "jogadores mimados".
4º - ENGLISHIT!!! GO HOME!

quarta-feira, 16 de junho de 2004

Europeu I

Depois de hoje, só há uma coisa a dizer: Cristiano Ronaldo, a razão,a magia e a força da seleção luso-brasileira.É pena que alguns idosos , que têm muitas cataratas e o cerebro "oco" nao consigam perceber...

domingo, 13 de junho de 2004

Começo...

... a ficar preocupado com esta minha atitude de não me importar com nada. Atitude esta que é contraditória com a atitude pela qual ando a me preocupar. Preocupar-me pelo facto de não me preocupar. Confuso. Baralhado. E claro, preocupado com isso. Isto não pode ser saudável. Acho eu.

Naumon: Tetralogia Anfibia



Fui ver o novo espectáculo dos La Fura del Baus. Com receio, como já tinha dito. Não houve problema. O problema veio depois. Conseguir compreender tudo o que aconteceu. E isso ainda não consegui. Mas que se lixe. Nem tudo tem de ser entendido. Nem tudo tem de ser explicado. E o que importa, se até se gosta do resultado final e de toda a involvência que o espectáculo nos proporciona. Chateado estou por só ter compreendido isto agora. Que venham os próximos, se estiver vivo, farei questão de não faltar.

Portugal - Grécia

As sardinhas estavam boas. A entremeada também. Bons amigos. Muita risada. Muita cerveja e muito balarico. Não quero me lembrar de mai nada.

Super Bock Super Rock

Não me apetece escrever muito sobre o festival. Nem tenho muito a dizer. Mas sinto que tenho de dizer qualquer coisa. Por isso aqui vão as minhas impressões.

Não gostei do espaço. E para mais, passei fome e frio. Desculpem lá, mas quanto às condições, depois do Rock in Rio, fiquei mais exigente. Se este último não tivesse acontecido, provavelmente não diria isso, mas como sei que agora é possível fazer melhor, digo e exijo melhor. Adiante.

Os concertos. X-Wife, estes gajos são bons. Grandes canções para pular e dançar. Liars. Gostei da loucura saudável dos Liars. Fazem música sem concessões. E ainda bem. Nem tudo tem de ser bonitinho. Pixies, sem palavras. Hora e meia de concerto sempre a abrir. Como sempre pensei que seria. Lindo, o devaneio sónico de Joey Santiago a meio do "Vamos". Quase que podia jurar que vi Black Francis sorrir, mas ele não ia gostar de me ouvir dizer isto. Com ele não há quaisquer bajulações. Infelizmente não é o que acontece com Lenny Kravitz. O homem deve andar com falta de afecto. Começou bem, com grandes canções e tal. O problema veio lá para o fim. Com grandes secas. Com canções prolongadas ao limite do tolerável. Enfim, artistices. Massive attack, a terceira vez que os vejo. Continuam a fazer bons concertos. A música ajuda muito a isso. O ambiente denso que é criado é perfeito. Mas da próxima vez que os vir, espero que seja diferente. A culpa é minha, é o mal de repetir concertos. Fatboy Slim, fica para a próxima. Não vi. A fome e o cansaço eram demais. Mas ao longe, a festa parecia rija.

Bom, acabei escrevendo mais do que queria. Que se foda.

António Variações

Morreu faz hoje 20 anos, a 13 de Junho de 1984. De tempos a tempos, regresso aos seus discos. Hoje não me apetece. Mas fica aqui registado a minha homenagem ao autor da frase de engate que mais gostava de ter inventado:

"Tu estás livre e eu estou livre
E há uma noite p'ra passar"

sábado, 12 de junho de 2004

sexta-feira, 11 de junho de 2004

É já amanhã

É já amanhã que começa o Euro 2004. E e já amanhã que vamos estar com os cachecóis, bandeiras e, como não podia deixar de ser, cervejas prontos a gritar (e a beber) pela nossa selecção. Estou com um feeling que vamos ganhar 2-0!!
FORÇA TUGAS!!

Mas chato é...

...vir trabalhar e não haver nada para fazer. Nem pensar em fazer, já que o Euro começa amanhã e não convém mexer em nada, para não estragar. Mas porque é que não me mandam para casa com o dia pago? Eu não me importava.

E hoje só me apetece gritar...

Lying there like you're...
TAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAMMMMMMMMMMMMME!
TAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAMMMMMMMMMMMMME!

TAAAAAAAAAAAAA...(cof,cof)...AAAAAAAMMMMMMMMMMMMME!

Pixies, logo à noite, lá para os lados da Expo. Estou impaciente, caralho! (pardon my french)

terça-feira, 8 de junho de 2004

São ciclos, pá!

Há quinze anos atrás andava louco para comprar um leitor de CD's. Estava farto do vinil. Toda a gente tinha e ouvia CD's, excepto eu. Tanto insisti que lá convenci minha mãe a comprar um leitor. Vendo bem, era inevitável, já poucas lojas vendiam vinis na Madeira. E se eu queria acompanhar a música que se fazia, tinha de me adaptar também. E o CD era o passo seguinte na evolução. Começou assim o longo reinado dos CD's. E não estou a ver que termine tão cedo. Até aqui tudo bem. Pelo menos parecia. Até que há bem pouco tempo senti-me tentado a comprar vinis. Não sei se foram as capas, se saudades das rodelas pretas, ou o quer que seja. O facto é que acabei por comprar alguns discos. O chato, só poder ouvir na Madeira onde tenho gira-discos. Mas isso acabou. Comprei recentemente um gira-discos para a minha casa em Lisboa. E nunca soube tão bem ouvir música. Nem nunca me senti tão próximo da música. E acho que isso é muito importante. Para mim, claro. Long lives the vynil.

Orgulho português

Impressionante. Nunca o orgulho português esteve tão forte no coração dos portugueses. O Euro 2004 veio para unir os portugueses. Vêem-se bandeiras da nação por todo o lado. Nas varandas, nos carros, nos quiosques,...É bonito de ver. E de ser português, actualmente. Apesar de ainda não conseguir entender porquê. Mas que sabe bem, isso ninguém me tira. Até estou a pensar comprar uma daquelas bandeirinhas do Continente para colocar na varanda. Mais, até estou disposto a perdoar o facto de José Castelo Branco ter nascido português...Bom, e daí, se calhar tanto, também não.

segunda-feira, 7 de junho de 2004

Fiquem a saber...

...que se nós não tivéssemos ido ontem ao Rock in Rio, só teriam chegado às 99.996 pessoas - pelo menos, andavam a gabar-se das 100 mil entradas. Ora, nós devíamos receber alguma coisa por isso. Era justo. Digo eu.

quinta-feira, 3 de junho de 2004

Sinceramente...

...não me apetece fazer nada. Está muito calor. Acabei de almoçar e estou com uma preguiça, que nem vos digo nada. Até mesmo para escrever estas linhas, o sacrificio é enorme. Tenho os braços colados à mesa e só os dedos é que se movimentam. Com dificuldade. E os olhos, os olhos teimam em cerrar. Já fui lavar a cara por duas vezes a ver se desperto, mas é inútil. Acho que vou adormecerrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr

terça-feira, 1 de junho de 2004

Se há coisas que me desagradam, entre muitas outras, é encontrar pessoas na rua que já conheço há vários anos, mas de que nunca soube nem o nome, nem o que faz. Aliás, nem me lembro de como as conheci. Na maior parte das vezes isto resolve-se com um simples cumprimento, um "Olá", um "Tudo bem?" ou apenas um acenar de mão. E isto sempre a andar, sem parar, para que não haja grandes conversas. Sim, porque a sensação que tenho é que a outra pessoa, está a pensar o mesmo que eu. O que é bom, pois eu não sou de grandes conversas da treta.

O problema é que parece que nem todos compreendem esta regra. Hoje, aconteceu, encontrar uma pessoa dessas. Adivinhem o que ele fez? PAROU. Sim, parou para falar. Já me viram isto? A regra principal foi quebrada. Fui obrigado a parar e fazer a típica conversa de treta. E aconteceu exactamente o que eu esperava e receava, que é ficar sem nada para dizer um ao outro um pouco depois dos cumprimentos iniciais. Deve ter sido pelo menos uns trinta segundos - o que é quase uma eternidade - nessa situação. Estava a tornar-se constrangedor até que decidi dizer que estava atrasado e tinha de me apressar. Senti que foi um alívio para ambos. E lá fomos à nossa vidinha.

Com isto tudo, não pensem que não gosto de conversar. Ou de encontrar pessoas. Muito pelo contrário, gosto muito. E até costumo me meter muito com as pessoas. Há quem diga que por demais até. Mas há coisas que decididamente, não me caiem bem. Este é um caso desses. Não é culpa da pessoa é mesmo a situação em si. Definitivamente, não há condições. Mas digam-me, isto também vos acontece, ou não? Será um problema meu apenas? Mein gott, espero que não.

Novo mercado....

Caros amigos, depois de alguma ausência, cá estamos para mais algumas constatações (e não críticas)a assuntos, coisas e pessoas da nossa praça. Hoje vou-vos contar algo que presenciei no passado domingo.

Devido aos meus afazeres profissionais, lá tive que ir em comitiva para inaugurar em Santana, o Mercado dos Agricultores. Demais pessoas estiveram lá - jornalistas, políticos e pessoas decentes.
Tiveram mais algumas - o mega empresário Sá (Pai)- mais a grande supresa, foi a presença do ilustre (salvo seja) presidente daquela coisa da zona velha. Chegou numa "traineira ambulante", de vidros fumados e com a presença de veterenas do Jaguar. Não sei sinceramente, o que esse "macaco barbudo" foi lá fazer, mas dizem as más-línguas, que o mesmo foi lá contratar jogadores.É verdade meus amigos e amigas! Contratar jogadores!

De modo a que a equipa se complete, o Areias, foi contratar mais nabos e frangos para a seu digníssimo conjunto de vádios e arruaceiros...Daí os vidros fumados! (Assim ninguem iria saber quais as contratações deste PEPE LEGAl)Este Areias não brinca em serviço...

beijos e abraços

Matanruak

domingo, 30 de maio de 2004

Confesso, ...

...não consegui resistir. Fui ao Rock in Rio. Passei um ano inteiro a dizer mal daquilo. Afinal, acabei cedendo e ontem à noite fazia parte das 70 mil pessoas - segundo os números que ouvi - que estiveram no Rock in Rio. Não consegui resistir ao ambiente festivaleiro, que as imagens de televisão transmitiam. Aquela boa disposição, o espaço verde, as diversas actividades, etc, tudo isso fez-me sentir um bocadinho nostálgico. Afinal de contas, já não ia a um festival desde,...ora, deixa cá ver...sim, desde o ano passado, desde o Meco. Já tinha muito tempo. E a tentação foi mais forte que eu. Pelo que às nove e tal da noite, lá estavámos nós, eu e meu primo, agarrados a umas belas canecas de cerveja e a tentar encontrar o resto da malta.

E o que é que achei do festival? Muito bom. Muito profissional. Com tudo muito estruturado. E com muito boas condições. É certo, o espaço ajuda, pois é perfeito para este tipo de eventos. E importante, não parece que estamos na cidade. Simplesmente, um exemplo a seguir para os próximos festivais.

Uma das minhas birras com o festival era a selecção de bandas. Continuo a achar que falhou qualquer coisa ali, mas ontem o dia era o mais aceitável, pelo menos para mim. Rui Veloso, Gilberto Gil, Jets, Ben Harper e Peter Gabriel. Destes, só vi os três últimos. Os Jets praticam um rock à maneira dos AC/DC - e isto não é mau - muito energético e a abrir. Nota, suficiente mais. Ben Harper, já não me traz surpresas. Ontem foi a terceira vez que o vi e como em tudo, a primeira é que é. E a primeira vez que o vi continua a ser um dos melhores concertos que já vi. Mas se por um lado não traz surpresas, por outro, não desilude. Apesar de não ter tocado a minha canção preferida, o "Pleeeeeeeease bleed", dou-lhe como nota, um bom mais. Peter Gabriel, foi o senhor da noite, com a sua voz poderosa, canções intemporais e uma das performances mais originais dos últimos tempos, muito teatral e muito bem executada. Excelente.

Concluindo, continuo a achar que a organização poderia ter arriscado muito mais e ter trazido mais bandas novas e excitantes. Mas enquanto festival propriamente dito, foi certamente o mais profissional que já fui. O que certamente trará uma melhoria em relação aos outros, pois agora as pessoas sabem que é possível fazer melhor. E serão mais exigentes. É este o grande ponto positivo. Nota final, muito bom.

sábado, 29 de maio de 2004

São 05h29. Acabei de passar pelo blog das Patas Lamacentas. É um dos blogs que mais gosto de visitar, não só por gostar do que está lá escrito. Primeiro verifiquei que há ali uma grande sensibilidade, quer para escrita, quer para a vida em geral. Depois descobri que já as conhecia. Fiquei a gostar ainda mais. Mas chegar a esta hora e ler duas respostas a comentários meus e com o humor que as caracteriza, bom, isso é incalculável. Faz-nos sentir humanos nesta rede que é a Internet. E isso deve ser o mais importante. Obrigado. São 05h36 e vou-me deitar.

Incógnito

São 05h14. É esta a hora que comecei a escrever. Começo a ficar com sono. Saí à noite. Sai com um amigo. Um bom amigo. Entre muitos locais por onde passamos, estivemos no meu bar favorito. É o lugar onde mais gosto de estar e onde me sinto mais à vontade para conviver, beber, engatar, etc.Conheço toda a gente e toda a gente me conhece. A música, é a música que eu gosto. Falo do Incógnito. E é esta a minha homenagem ao meu bar preferido na forma de uma letra de uma das minhas bandas preferidas, os Talking Heads. Basta substituir Heaven por Incógnito.

Heaven

Everyone is trying to get to the bar.
The name of the bar, the bar is called Heaven.
The band in Heaven plays my favorite song.
They play it once again, they play it all night long.

Heaven is a place where nothing ever happens.
Heaven is a place where nothing ever happens.

There is a party, everyone is there.
Everyone will leave at exactly the same time.
Its hard to imagine that nothing at all
could be so exciting, and so much fun.

Heaven is a place where nothing ever happens.
Heaven is a place where nothing ever happens.

When this kiss is over it will start again.
It will not be any different, it will be exactly
the same.
It's hard to imagine that nothing at all
could be so exciting, could be so much fun.

Heaven is a place where nothing every happens.
Heaven is a place where nothing every happens.

Written by David Byrne.

São 05h26. E estou a acabar de escrever isto.

Para que fique registado!

São 04h59. É esta a hora que comecei a escrever isto. Para que fique registado. Vou falar de uma pessoa que gosto muito. Já o conheço há seis ou sete anos. É das pessoas mais interessantes que já alguma vez conheci e para além disso cozinha bem que se farta. É o meu cozinheiro preferido. Não vou dizer por que faz parte da minha vida. Não interessa para agora. O que interessa é que ocupa actualmente o lugar na minha familia deixado vago tanto por meu pai - que infelizmente nunca ocupou - como por meu tio. É digamos o homem da familia, já que os outros homens não passam de umas crianças (eu e meu primo). É o único exemplo que tenho mais próximo de como devo ser como homem e de como quero ser. É esta a minha homenagem. É pouco, mas é o melhor que sei. São 05h09. É esta a hora que terminei de escrever isto. Para que fique registado.

sexta-feira, 28 de maio de 2004

Tanta coisa...e nada!!


A nossa personagem favorita do Governo da República está em grande!! Depois de tanto apregoar, perseguir e carregar de + impostos o trabalhador (nomeadamente o trabalhador por conta de outrém) eis que, após o relatório de actividades de 2003 da Inspecção Geral de Impostos, se chega à conclusão que em 2003 a verba da evasão fiscal ascende aos 916 milhões de Euros. Um acentuado crescimento de 34% face ao ano de 2002. Claro está que quem mais contribuiu para esta evasão fiscal foram as empresas! Acho que já é de senso comum que são estes os contribuintes que mais fogem aos impostos (juntamente com os trabalhadores liberais, como por exemplo os advogados, médicos e dentistas). Srª Ministra ponha a mão na consciência e utilize as poucas células cinzentas que ainda lhe restam para combater a evasão fiscal ONDE ELA EFECTIVAMENTE ACONTECE!!
Tenho dito!!

quinta-feira, 27 de maio de 2004

Almodovarices

Pedro Almodovar está de volta com o seu novo filme. Estreia hoje - ou estreou ontem, caso este post não fique escrito antes da meia noite. Ao que parece e pelo que vi no trailer mistura padres com travestis com pedofilia. Ou seja, mais paneleirices à moda do melhor realizador espanhol. A ver o que sai dali desta vez. Pelo menos promete.

Uma dúvida...

Já alguém, alguma vez, conheceu alguma pessoa que não dissesse que não era frontal? É que eu não conheço. Toda a gente diz que é frontal e que não tem medo de dizer o que pensa, que começo a achar que uma pessoa que não seja frontal, é uma raridade nos dias que correm. Mas será mesmo assim? Foi só uma dúvida. Isto passa.

Mais uma história de amor, pode ser?

Esta escrita por outra boa peça, Mr. Jarvis Cocker dos Pulp. Só numa cabeça como a desse senhor é que era possível escrever uma canção sobre alguém que se vai conhecer daí a duas horas. Brilhante. Ora, leiam.

Something changed

I wrote the song two hours before we met.
I didn't know your name or what you looked like yet.
Oh I could have stayed at home and gone to bed.
I could have gone to see a film instead.
You might have changed your mind and seen your friends
Life could have been very different then but something changed.
Do you believe that there's someone up above?
Does he have a timetable directing acts of love?
Why did I write this song on that day?
Why did you touch my hand and softly say.
Stop asking questions that don't matter anyway.
Just give us a kiss to celebrate here today something changed.
When we woke up that morning we had no way of knowing
That in a matter of hours we'd change the way we were going.
Where would I be now if we'd never met.
Would I be singing this song to someone else instead I dunno
But like you said something changed.

Written by Jarvis Cocker.

Orgulho nacional


Grande conquista nacional pelo FC Porto ontem à noite!!
A mostrar que galácticos somos nós os tripeiros!!
AVANTE FCP!!

17 anos depois...

PORTO! PORTO!

Agora só falta PORTUGAL, ganhar o EUROPEU!

PORTO! PORTO!

quarta-feira, 26 de maio de 2004

Ahhh cum caralho, como estou orgulhoso - e um bocadito para o alcoolizado - pelo nosso PORTUUUUUUUUUUUUUUUUUOO!!!

E não sou do Fê Quê Pê, mas hoje não digo mais nada. Vou dançar...

Post ensonado e preguiçoso...

Deixei de tomar café depois do almoço. Tirava-me o sono...

Eles estão de volta...

...a Portugal. Depois do XXX (o triplo X é mesmo pela razão que pensam), que era baseado na "Filosofia de Alcova" do Marquês de Sade vêm para apresentar o seu novo espectáculo Mátria 1 – «El Juego Eterno». Eu até gostava de ir ver, mas admito, tenho algum receio. Geralmente gosto de ser mais espectador ou ouvinte do que participante. Mas acho que não vou resistir...

E que tal uma história de amor...

Pertence a uma canção do novo albúm da Divine Comedy, o projecto de Neil Hannon. O que começa por ser uma banal história de amor, do tipo "boy meets girl at night", afinal vem a ter um final muito diferente do habitual e que não vou contar para não estragar a piada. E também para obrigar-vos a ler, claro. Ah... e se puderem ouçam a canção. Tem uma daquelas melodias, capaz de transformar o mais bruto dos homens no ser mais gentil à face da terra. Simplesmente deliciosa.

Our mutual friend

No matter how I try
I just can't get her out of my mind
And when I sleep I visualise her.
I saw her in the pub.
I met her later at the night club.
A mutual friend introduced us.
We talked about the noise
And how it's hard to hear your own voice
Above the beat and the sub-bass.
We talked and talked for hours.
We talked in the back of our friend's car
As we all went back to his place.

On our friend's settee
She told me that she really liked me
And I said "cool, the feeling's mutual".
We played old 45's
I said "it's like the soundtrack to our lives"
And she said "true it's not unusual".
Then privately we danced
But couldn't seem to keep our balance.
A drunken haze had come upon us.
We sank down to the floor and we sang
A song that I can't sing any more.
And then we kissed and fell unsconscious.

I woke up the next day all alone but for a headache.
I stumbled out to find the bathroom.
But all I found was her
Wrapped another lover.
No longer then is he our mutual friend.

Written by Neil Hannon.

terça-feira, 25 de maio de 2004

«I'm the fuckin' foot master!»

Massagista com um dia de experiência. Técnicas de massagem chinesa nas costas e nos pés. Garantia de bons momentos. Só meninas. Favor deixar contacto nos comentários.

segunda-feira, 24 de maio de 2004

«O acaso tem destes sortilégios, a necessidade, não. Para um amor se tornar inesquecível é preciso que, desde o primeiro momento, os acasos se reúnam nele como os pássaros nos ombros de São Francisco de Assis.», Milan Kundera.

Se assim for, a mim parece-me complicado um dia ter um "amor inesquecível". Não faz mal.

domingo, 23 de maio de 2004

Aos amigos...

Queria lembrar que o verdadeiro rumo das vossas vidas é traçado por vós! O leme das vossas vidas está nas vossas mãos.
Os amigos não são mais que pequenas (ou grandes) ondas que tentam desviar o vosso navio para algum lado, no entanto, o "HOMEM DO LEME" (ou mulher) é quem tem a decisão final do percurso a seguir!

Navegue-se num barco, navio, catamarã, bóia ou kayaque haverá sempre uma onda a empurrar para uma praia...

sexta-feira, 21 de maio de 2004

Prémios "Pedra Lascada"

Como já é de conhecimento público, todos os anos este ilustre blog, entrega os mundialmente famosos prémios "PEDRA LASCADA" àqueles que se destacaram nas mais diversas áreas da vida social e democrata do quotidiano madeirense.



Este ano, e pela primeira vez, os prémios são divulgados em primeiríssima mão no RAMRAM, depois do colectivo de juízes da "velha guarda", haver reunido por 96 horas consecutivas sem comer nem beber. Os prémios sairão um por semana e cada membro tem a honra que entregar a dita estatueta.
Pelo que sem mais demoras passarei a divulgar o vencedor desta semana. E os prémios vão paaaaaaaaaarraaaaaaaaaaaaaaaaaaaa...

Prémio "Eu até queria ser como o papá mas eles não me deixam"

(Rufos por favor)

Robby Marote

Quase nos 3.000

Na semana passada estávamos nos 27....,Agora estamos perto dos 3.000, é obra, a este ritmo ninguem nos para.Mas também é verdade, que mais vale a qualidade do que a quantidade.Mais vale menos Post e mais comment. Assim é que se vê a força de quem aqui escreve.

Não andamos aqui a escrever para nós próprios. Fazemos deste lugar, um espaço de convivio,debate,argumentação, cordialidade e acima de tudo, educação de um nível superior, pois todos nós somos "escribas" inteligentes, nada complexados e nem mentalmente perturbados.

Penso que, não é nosso propósito andar a competir com outros bons ou maus blogs.O RAMRAM é unico e assim queremos que continue a sê-lo.

Se existem "escribas" que o preferem a outros blogs, paciência!

Desculpem este desabafo, mas há aí uns sentimentos de inveja - algo preocupantes - em relação ao RAMRAM.

A essas invejas,eu posso passar bem e daqui faço o apelo aos companheiros deste blog, que continuem a escrever e a tornar RAMRAM participativo, de qualidade e acima de tudo de amizade e de solidariedade.

PS-Os cachorros ladram, mas a caravana passa!

Beijos e abraços


Matanruak

quinta-feira, 20 de maio de 2004

Foste apanhada, foste apanhada!

Ministra das Finanças não declarou 15 mil euros em 2002

Lusa
A ministra de Estado e das Finanças, Manuela Ferreira Leite, não declarou ao fisco cerca de 15 mil euros em mais-valias na sua declaração de rendimentos de 2002, tendo corrigido a falha no ano passado.

O gabinete de imprensa do Ministério das Finanças confirmou a falha ao jornal "24horas", que na sua edição de hoje avança que Manuela Ferreira Leite não incluiu na declaração de rendimentos (IRS) de 2002 as mais-valias resultantes da venda de uma casa na zona de Sintra.

"A dra. Manuela Ferreira Leite fez uma correcção à liquidação do IRS respeitante ao ano de 2002 para antecipar um pagamento", escreve o gabinete do ministério, ressalvando que a ministra fez a rectificação "antes de ser notificada pela Administração Fiscal da necessidade de o fazer".

Ou seja, ao notificar o fisco fora do prazo, Ferreira Leite cometeu uma infracção punível pelo Regime Geral de Infracções Tributárias.

Quem rectificar a declaração de IRS fora do prazo, mas voluntariamente, a coima é de 50 euros. Após a notificação da Administração Fiscal, a multa sobe automaticamente para o dobro.

O advogado Dias Ferreira, irmão da ministra, afirmou ao mesmo jornal que se tratou de "um esquecimento de todos", ou seja, dele próprio, da ministra e dos outros dois irmãos.

"Devemos ter recebido a verba do imóvel nos primeiros meses de 2001. A declaração do IRS referente só foi entregue em 2002 e a rectificação foi feita em 2003. Como não é uma verba que recebemos todos os dias caiu no esquecimento dos quatro", contou Dias Ferreira ao jornal.

"Foi um descuido em que caímos, por um misto de desatenção e de desconhecimento", disse o advogado, justificando a rectificação fora do prazo das declarações dos quatro irmãos.


Por isto leva o nomeação de "Ministra do queijo suiço"

O exemplo vem de onde??


Mais uma vez vem à baila a nossa querida e adorada ministra das Finanças. Qual cão de caça vem perseguindo os portugueses com impostos atrás de impostos atrás de impostos numa senda que já se arrasta há tempo demais, acompanhada dos seus discursos moralistas insinuando que o povo português não é produtivo, que não paga os seus impostos, etc...
Agora vem-se a saber que a Srª. Ministra 'esqueceu-se' de declarar 15 mil Euros respeitantes às mais-valias da venda de uma casa. Aliás 'esqueceram-se' os 4 irmãos da família. Que conveniente. E tem um tipo que aturar discursos, imposições e insinuações de gente que na primeira oportunidade que tem foge ao pagamento!!
O nosso ministro da Educação é outro dos exemplos: tb se 'esqueceu de declarar cerca de 35.000 Euros.
O ex-ministro Isaltino Morais tb teve um lapso de memória ao preencher o IRS. 'Esqueceu-se de declarar lotes de terreno em Alcabideche e Cabo Verde, bem como um escritório que adquiriu à Teixeira Duarte na Av. Berna.
Este nosso país é um espectáculo. Digno de continuar a figurar na lista dos países de 3º mundo!!
Como é que se pode pedir ao povo português que pague todos os seus impostos se os responsáveis máximos são os primeiros a fugir??

quarta-feira, 19 de maio de 2004

Meat is Murder

Não sou vegetariano. Nem nunca vou ser. Mas respeito. E não concordo quando se diz que não se pode viver sem comer carne ou peixe, apesar de que eu não conseguiria. Ainda nas últimas férias, conheci um indiano cuja família é toda vegetariana desde que nasceram, excepto ele, que deixou de ser vegetariano, quando chegou aos Estados Unidos. É caso para dizer, não conseguiu resistir às tentações da carne. Mas voltando ao assunto, que me pôs a escrever isto, compreendo e respeito os vegetarianos e é por isso que deixo aqui esta mensagem na forma de uma letra de uma canção. Para mim, já não serve, nem diz muito. Sou demasiado insensível. Mas pode ser que sirva para alguém...

MEAT IS MURDER

Heifer whines could be human cries
closer comes the screaming knife
this beautiful creature must die
this beautiful creature must die
a death for no reason
and death for no reason is MURDER
and the flesh you so fancifully fry
is not succulent, tasty or nice
it is death for no reason
and death for no reason is MURDER
and the calf that you carve with a smile
is MURDER
and the turkey you festively slice
is MURDER
do you know how animals die ?
kitchen aromas aren't very homely
it's not "comforting", "cheery" or "kind"
it's sizzling blood and the unholy stench
of MURDER
it's not "natural", "normal" or kind
the flesh you so fancifully fry
the meat in your mouth
as you savour the flavour
of MURDER
NO, NO, NO, IT'S MURDER
NO, NO, NO, IT'S MURDER
who hears when animals cry ?

Lyrics by Morrissey

Problema

Um relógio adianta-se regularmente. Todos os 61 minutos os ponteiros se sobrepôem. Quanto tempo se adianta o relógio numa hora?

in, "100 jogos númericos" de Pierre Berloquin.

E perguntam vocês: "Porque puseste este problema aqui?" E eu respondo: "Porque me apeteceu e achei que seria engraçado ouvir as vossas respostas." E foi assim. E assim foi. E mais não digo que já estou a gastar muita palavra para quem não tinha nada para dizer.

Fenómeno musical


O novo fenómeno musical a rodar em todos os países de leste e agora em voga na Europa:
Haiducii - Dragostea Din Tei. Para os amantes das músicas ritmadas e agradáveis para dançar eis a solução de leste. Após o seu lançamento em uma semana atingiu o nº1 em Itália.
Haiducii é o nome artístico da cantora Paula Mitrache, uma romena de 27 anos (e boa por sinal - foto abaixo)

Espectacular, a lembrar a música de há uns anos atrás do turco Tarkan. A não perder. E certamente um novo êxito a rodar nas discotecas portuguesas, o que espero que inclua o nosso Jam. Depois de todos (ou alguns ouvirem a música) faço um post com a letra a ver quem é o(a) melhor cantor(a) de karaoke em romeno ;)
Um dos sites disponíveis para mais informações é: http://www.universospa.com/p_haid.htm
Boa música

quote

"Nothing will benefit human health and increase chances for survival of life on earth as much as the evolution to a vegetarian diet." -- Albert Einstein

"I have from an early age abjured the use of meat, and the time will come when men such as I look upon the murder of animals as they now look upon the murder of men." -- Leonardo da Vinci

"You put a baby in a crib with an apple and a rabbit. If it eats the rabbit and plays with the apple, I'll buy you a new car." -- Harvey Diamond

segunda-feira, 17 de maio de 2004

Pode ser que alguém esteja interessado...

...por isso aqui fica o cartaz e horários para o Super Bock Super Rock. Com muito menos pompa, consegue ter um cartaz muito mais excitante que o do Rock in Rio. E com preços de bilhetes muito mais acessiveis.

09 de JUNHO

PALCO SUPER BOCK

18H00 - PLEYMO
19H05 - STATIC-X
20H20 - MUSE
22H10 - LINKIN PARK
00H10 - KORN

PALCO QUINTA DOS PORTUGUESES

17H00 - Vencedor Passatempo Roland
17H30 - FONZIE
18H45 - YELLLOW W VAN
20H00 - ANGER
21H40 - BLASTED MECHANISM
23H30 - DA WEASEL

10 de JUNHO

PALCO SUPER BOCK

18H00 - LOS HERMANOS
19H15 - REAMONN
20H35 - AVRIL LAVIGNE
22H10 - NELLY FURTADO
00H15 - N.E.R.D.

PALCO QUINTA DOS PORTUGUESES

17H00 - Vencedor Passatempo Antena 3
17H30 - PATRICIA FARIA
18H55 - DEALEMA
20H10 - GOMO
21H40 - TORANJA
23H45 - DAVID FONSECA

11 de JUNHO

PALCO SUPER BOCK

18H00 - LIARS
19H25 - HUNDRED REASONS
21H00 - PIXIES
23H05 - LENNY KRAVITZ
01H10 - MASSIVE ATTACK
03H00 - FATBOY SLIM

PALCO QUINTA DOS PORTUGUESES

17H00 - LOOSERS
17H30 - X-WIFE
18H55 - ANDRÉ INDIANA
20H30 - WRAY GUNN
22H35 - PLUTO
00H40 - CLÃ

Uma sugestão à gerência...

E qual uma sondagem para "averiguar", qual o maior palhaço à face da terra?
Deixo aqui as minhas sugestões:
1.GW Bush (génio na arte da sabedoria e da diplomacia);
2.Tony Blair (o perfeito macaco de imitação);
3.Durão Barroso (o perfeito anormal);
4.Já Sinto Serrão (pelas razões já descritas neste blog);
5.Miguel Albuquerque(pela sua visão de estradas e escoamento de tráfego automóvel);
6.Areias (o camelo mais rico dos trópicos);
7. Julio Isidro (o maior albergue de moncos);

Fico por aqui.Agradeço sugestões imparciais,justas e que dignifiquem os respectivos eleitos.

Com os melhores cumprimentos,

Matanruak

Quote

Falamos de desporto quando um homem quer matar um tigre; falamos de acto selvagem quando um tigre quer matar um homem.

...

domingo, 16 de maio de 2004

Homenagem...

Foram 2791 visitas em menos de um ano.Foram muitos post e muitas mais comments.Foram divergências, opiniões e muita actualidade.

Por estes motivos e por muito mais,o RAMRAM, é concerteza um blog à "maneira".

Este sucesso é daqueles que escrevem, mas também é de todos aqueles, que fazem "comment", pois são estes que alimentam toda esta "discussão". É com bastante orgulho que faço parte desta comunidade.

Por isso,faço daqui a minha HOMENAGEM a este blog e a todos aqueles que aqui escrevem...

beijos e abraços

Matanruak

Pausa nas comemorações só para dizer uma coisa...

BENFIIIIIIIIIIIIIIIIICA!!!



E agora vou até ali ao Marquês...

DASSE BRUNO!!!! TAMBÉM TU?

sábado, 15 de maio de 2004

Conversa entre este que escreve e sua mãe a propósito do último teste.

-Ouve lá, que conversa é aquela daquele teste do homossexual famoso?
-Nada de especial, só um teste.
-De certeza?
-Esteja descansada, não sou maricas.
-Acho bem.

Heavens knows I'm not so miserable now!

A FNAC de vez em quando dá-nos uma boa surpresa. Como por exemplo ter encontrado hoje à venda o novo albúm de Morrissey, quando era suposto sair apenas Segunda-Feira, 17 de Maio. Já o tenho. E confirma-se, o homem está em excelente forma. E mais pena tenho de não ter conseguido bilhetes para os concertos de Nova Iorque. Morrissey, I'm your quarry.

sexta-feira, 14 de maio de 2004

Vá lá, não se inibam...

Mais um teste que encontrei no blog desta senhora.
Este, penso que, um pouco polémico para colocar aqui neste blog de machos madeirenses. Mas que se lixe. O meu resultado foi Andy Warhol. Não foi muito mau. Pelo que sei não há certezas de ele ter sido bichona. E vocês? Coragem, rapazes! E as meninas também estão convidadas a fazer o teste.

Not gay at all then.
Which Famous Homosexual are you?
Brought to you by Rum and Monkey